Seguidores

sábado, junho 03, 2006

SEM RETORNO




SEM RETORNO


SE VOCÊ QUER FECHAR A PORTA,
NÃO ABRA.
SE VOCÊ QUER ABRIR,
NÃO FECHE.



SE VOCÊ QUER FALAR,
NÃO CALE.
E, SE VOCÊ QUER CALAR,
NÃO FALE.



SE VOCÊ QUER SORRIR,
NÃO CHORE.
SE VOCÊ QUER CHORAR,
NÃO SORRIA.



SE VOCÊ QUER SER VERDADEIRO,
NÃO ENGANE.
SE VOCÊ QUER ENGANAR,
VOCÊ SE SUBESTIMA.
QUE SINA... MENINA!!!



E ASSIM VOCÊ VAI,
SEM SABER AONDE,
E AONDE É UM LUGAR,
QUE VOCÊ CHEGA,
E NÃO SABE COMO.


E, QUANDO LÁ VOCÊ CHEGAR,
NÃO PENSE NUNCA EM VOLTAR,
POIS O CAMINHO PERCORRIDO,
FOI VARRIDO, ESQUECIDO,
NEM A POEIRA SOBROU.


E, SE SOBROU,
O VENTO SOPROU,
ESPALHOU,
JOGOU POR TODOS OS CANTOS...


TANTOS CANTOS...
QUE POR MAIS QUE VOCÊ SEJA TANTOS,
NÃO RETORNARÁ,
NEM POR TODOS OS SANTOS
AH! QUANTAS ILUSÕES DEIXAMOS,
NOS CAMINHOS PERCORRIDOS...




2 comentários:

Anônimo disse...

Que maravilha ler isto que voce escreveu! È exatamente neste dilema que penso e repenso. Dilema por nao entender nunca !!! porque as pessoas sentem tanta dificuldade em falar e serem verdadeiros. É um verdadeiro malabarismo diário. E não estao em circo diga-se de passagem. A vida é tão simples ... ampla plena clara , cristalina... Pena que o horizonte seja tão curto para a imensidão de plenitude que nos cerca...

Inara

Bjs minha inteligente irmã

Miralda disse...

Que lindo amiga :]ler seus escritos é uma boa e agradável terapia. Vc descreve a realidade inteligentemente.
Grande abraço