Seguidores

segunda-feira, janeiro 25, 2010

RESPINGOS DE AMOR E SANGUE

RESPINGOS DE AMOR E SANGUE
DE: Ysolda Cabral



A indiferença e a inércia são aparentes,
Um vulcão as vias da erupção,
É um acontecimento bastante previdente.

Então não facilite e nem duvide,
Você não sabe o que é um coração
Apaixonado, solitário e valente.

Um coração assim é um perigo a vista,
Um perigo realmente iminente,
Uma bomba-relógio em contagem regressiva.

De repente... BUM!!!!!

Em pedaços, por todos os lados,
Respingando amor e sangue,
Colorirá qualquer passante...

Mesmo aquele que, como você,
Sempre foi, é e será um amigo intrigante.

**********

PS. Tema sugerido e eu adorei!!!


Publicado no Recanto das Letras em 25/01/2010
Código do texto: T2049723

Nenhum comentário: