Seguidores

sábado, março 08, 2008

JEITO DE SER



JEITO DE SER
De:Ysolda Cabral

O que tenho?
Tenho a mim
O que sou?
Sou pouca coisa ou quase nada
Para onde vou?
Para onde a vida me levar

O que sei?
Sei sorrir e sei chorar
Sei brincar e sei sonhar
Sei perder, sem compreender
Sei perdoar e ainda confiar
Sei magoar, sem saber
E talvez ainda não saiba amar

Se canto?
Canto o meu canto
Do meu canto
Para não incomodar
Pode ser alto ou baixo
Afinado ou desafinado
Mas é assim o meu jeito de cantar

Do que mais gosto?
Gosto do silêncio
Ele me ensina a calar
Coisas que eu não posso contar
Para não me fazer sofrer
E novamente chorar...




4 comentários:

Anônimo disse...

Oi meu anjooo abestado
te cuida
Saiba só sorrir
a vida já nos ensina por si só a chorar
ensine a vida a sorrir que ela te dará de volta
sorissos....
Cante sempre para que ela continue te encantando
o silêncio é a melhor forma de oração
as coisas que não pode contar
elas não podem te fazer sofrer
é só esquecer quardar no fundo do arquivo
e lá deixar um dia sem querer acaba deletando sem sofrer.............................

Viu consequi fazer uma poesia na sua cola
hehehehehehehehehehehe
Cris Menezes

Anônimo disse...

COMO SEMPRE LINDAS POESIAS..ESSA ENTÃO MUITO LINDA

NOS FAZ PENSAR PROFUNDAMENTE COM A ALMA

Do que mais gosto?
Gosto do silêncio
Ele me ensina a calar
Coisas que eu não posso contar
Para não me fazer sofrer
E novamente chorar...

BEIJOS GRANDE

VOCÊ MORA EM MEU CORAÇÃO

Heid

Anônimo disse...

Ow tia, obrigada por tudo. Adoro receber suas poesias, são lindas.
Beijo grande!!!

Vanessa

Mr.Fichman disse...

Olha eu aqui de novo!
Ah meu Deus
Hoje do que mais gosto é do silêncio!
Mas lendo sua magnífica poesia amiga,estou sofrendo e me acabando em prantos!!
Obrigado, essa sua poesia é o meu desabafo
bjs