Seguidores

segunda-feira, agosto 25, 2008

EU E ELA




EU E ELA
De: Ysolda Cabral


Vivíamos em perfeita harmonia
Entre nós era tudo uma verdadeira maravilha
Fazíamos exatamente o que queríamos
E ninguém interferia

Comunhão perfeita de vontades
Sensibilidade à flor da pele
Isso me deixava muito leve
E pronta para enfrentar o que viesse

Não sei quando começou
O conflito da querência
E veio o desconforto
A perturbar o meu sono
Foi a primeira conseqüência

Ah! Que situação inusitada e irritante
Eu e minha companhia e se enfrentar todo dia!

De repente ficamos em lados opostos
Numa verdadeira agonia
Eu digo que a culpa é dela
E ela naturalmente calada
Entendo que consente
Contudo, sei que mente

E agora o que fazer
Se não a quero por perto?
Mandá-la embora
É impossível e não consigo
Afinal, o que de fato
Está acontecendo comigo?

Nenhum comentário: