Seguidores

quarta-feira, outubro 22, 2008

OU SE, SEI LÁ!

OU SE, SEI LÁ!
De: Ysolda Cabral


Interpretação...
Entendimento...
Julgamento.

Pouca alegria e muita tristeza.
Consequência: dor.

Percepção do puro e verdadeiro é raro.
É dom dado por Deus, se não tem,
Quem sabe se calar, ela não Vem?

Sou o que sou sem tirar e nem por.
Já me descrevi em prosa,
Em verso, em crônica...

E até em atitudes surpreendentes,
Dignas de filmes de ação,
Porém de terror, suspense, espionagem,
Não!

-Sou flor...
-Sou amor...
-Sou do bem...

Quando componho, sonho.
Sonho real e sincero.
Meu amor imaginário é verdadeiro,
E me leva, como dizia um amigo,
“Aos píncaros do mundo”
- Ou ele queria dizer da vida?

Já disse, também, que sou estopim.
Quando estouro, ou me estouram,
Estouro mesmo!

Sou touro, lembra?
Porém não causo estragos.
Não irreversíveis!

Um dia estourei de um jeito
Que fui parar em mil pedaços no espaço
E não é que voltei!

Então, não me leve a mal,
Não tente me advinhar.
Que necessidade há?

- Se sou louca,
- Se sou boba,
- Ou se, sei lá!

- Sou apenas Ysolda

2 comentários:

Anônimo disse...

È incrivel que para tantos e com bom senso! Sente e se eleva na sua
sensibilidade tão dificil para nós,
identificar de forma tao concreta o que é intocável e o mais sublime :o nectar da ensibilidadde humana!
Isso para que tem pelo menos ....
Pena para quem vive vazio sem ter o que dá imagine pronunciar...O limiar do senso é tao tênue que, que nao tem, descaba para o intriseco, e porque nao dizer , fique por lá!

Inara

Anônimo disse...

Não se emporte quando fores julgada,é que os touros são sempre forte,e sempre estão sendo testado para ser derrubado,só q sua força é bem maior sabe porq? porq sua força vem de Deus,um Deus vivo e eterno.Eu sou de cancer as vezes me pareço forte mais percebo a sencibilidade q existe dentro de mim,e deixo q me julguem mais ñ me condene pelo aquilo que ñ tenham certesa que sou...

ELI, TE AMO MINHA FLORZINHA MAIS LINDA.