Seguidores

domingo, maio 17, 2009

ALMA RETIRANTE


ALMA RETIRANTE
De: Ysolda Cabral



Como noite de agouro no sertão,
Cai à tarde do domingo,
Num peito que é triste solidão.

Com calma, com muita calma,
Respiro fundo e sinto minha alma,
Como a se arrumar pra longa viagem,
Igual a retirante em tempos de estiagem.

Ficamos assustadas
- Eu e a minha pobre alma -
Então lhe peço gentilmente,
Que pare de se avexar.

Rogo-lhe que se sente.
Ela humilde...
Reluta um pouco... Contudo,
Aceita meu convite com gosto.

Em troca lhe prometo
- ela sabe que cumpro -
A lhe ajudar a por tudo no lugar...

E é assim que termina o domingo,
Minha alma a conversar comigo,
Em minha sala de estar...


**********

Publicada tb no Recanto das Letras.
http://recantodasletras.uol.com.br/autor.php?id=39114



Um comentário:

ysoldacabral disse...

Título: ALMA RETIRANTE
Autor: Ysolda Cabral


Comentários RL

17/05/2009 22h19 - Jeronimo Madureira
Não haveria melhor forma de fechar o domingo! Vou aproveitar e fazer o mesmo com a minha. Parabéns, querida poetisa! Bj!

17/05/2009 22h05 - Carmem Lucia
Eis aí algo que nunca imaginei- terminar a tarde sentadas- ela e eu- na sala de estar- refazendo os dias que passamos juntas! Belo, amiga! Beijos

17/05/2009 21h39 - Mario Roberto Guimarães
Belíssimo diálogo com a alma, Ysolda, parabéns. Beijos, Mario.

17/05/2009 21h32 - dos Santos
Lindo demais meus parabéns pelo belo texto, abraços

17/05/2009 20h09 - ivi
Maravilhoso ! Beijos.

17/05/2009 19h59 - Lúcia Borges
Parabéns Poetisa Ysolda. Somos irmamadas com a alma, e pouco sabemos uma da outra. Abraços poéticos.

17/05/2009 19h42 - Ângela Maria Rodrigues de Oliveira P Gurgel
Como é bom, de vez em quando, dar uma boa conversada com nossa alma. Ficou lindo Isolda. Abraços.

17/05/2009 19h42 - Elischa Dewes
Olá poetisa! Lindísssimo diálogo! estou precisando de um assim! rs Meu carinho!