Seguidores

sexta-feira, maio 22, 2009

ELE DISSE NÃO




ELE DISSE NÃO
De: Ysolda Cabral


Para matar a saudade que sinto,
Recorri as nossas cartas,
Esquecendo que foram rasgadas,
E chorei aniquilada.

Apelei para seus presentes,
Guardados no velho baú,
Hoje peça de decoração da sala.
E nada...!

Tentei afastar o pensamento,
Pensando em épocas bem diferentes,
E o pensamento de vontade própria,
Pra você sempre volta.

Fico prostrada e bem quietinha,
Pra vê se acalmo a minha saudade,
Pedindo ao meu coração,
Que pare de sentir emoção.

É mesmo que nada!

E para me deixar definitivamente calada,
Ele me ameaça com uma forte
E poderosa pancada...

Então eu lhe digo com convicção,
Muita coragem e decisão:
- vá em frente e acabe logo com isso.
E ele me responde NÃO!

**********

Publicada no tb no Recanto das Letras.

Nenhum comentário: