Seguidores

terça-feira, junho 30, 2009

PRECISO ACORDAR




PRECISO ACORDAR
De: Ysolda Cabral


Sol, chuva, ventania,
Calor, frio e agonia...
Que dia mais esquisito!

Fecho os olhos do sentido,
Digo-me pra me olhar,
E identificar o que me resta.

Sem me reconhecer,
Sem me focalizar,
Encaro-me sem me olhar...

Assusto-me...
Estou no futuro?!

Como será que vim pra cá?
E os meus sonhos,
Cheguei a realizar?

Ora, estou dormindo,
Preciso acordar!

Sei que tenho duas décadas,
E não mais de meio século.
Credo!

Preciso imediatamente levantar.


**********

Publicada tb no Recanto das Letras

http://recantodasletras.uol.com.br/poesiassurrealistas/1674847

Nenhum comentário: