Seguidores

segunda-feira, outubro 12, 2009

NUVEM DE SONHO








NUVEM DE SONHO
De: Ysolda Cabral


Sou criança
Sou esperança
Sou ilusão de ótica
Na contra mão

Não sou lógica
Estou em órbita
Brinco de roda
E bicho papão

Giro, giro e me atiro
Sem direção
È que hoje estou pião

Vou parar
Na nuvem de sonho
Que inexplicavelmente ganhei
No dia que lhe encontrei
Lembra não?

Nenhum comentário: