Seguidores

segunda-feira, maio 26, 2008

QUE FIO É ESSE?




QUE FIO É ESSE?
De: Ysolda Cabral


De volta do “Mundo da Lua”
Piso em solo firme
Achando que só pode ser
O Planeta Terra...

Sinto-me trôpega
Estado muito comum
Em astronauta
De outra época...

Dispo-me da roupa de viagem
Procuro um traje a rigor
Para encarar
A grandiosa festa...

A cautela me avisa:
Vá com calma, essa menina
Acabas de chegar
Convém primeiro descansar...

Sem dispor de tempo para perder
Não escuto o sábio conselho
E me apresso
Querendo contra o tempo correr...

Olho para um lado
E também para o outro
Nada se mexe, nem de leve
Será que voltei a “ESTACA ZERO”?

Despida em terra incerta
Não sentindo fome, sede e nem frio
Cabeça confusa e tonta
Constato assustada
Que; estou no “FIO”...

Do FIM ou do COMEÇO?


4 comentários:

Amor incondicional disse...

Querida amiga!
Que fio é esse? Talvez o fio que liga tenuamente o que foi e o que és .
O fio de um novo começo que une corpo e alma.
beijos de luz

ysoldacabral disse...

Quem vai lá saber, amigo poeta?

Talvez Platão soubesse desvendar esse mistério em seu "Mundo das Idéias"... Entretanto, seria contestado, veementemente, por Sócrates... Hahahahaha

Fazer o quê quando os sentimentos são conflitantes, independente daquilo que é real ou não?

Muito boa suas visitas por aqui, sabia?

Beijosssss de todos nós ( viu?)

ysoldacabral disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Livinha disse...

É tu'alma minha querida
que busca o espaço contida
em sofreguidão, pq tem pressa
de desvendar mistérios com
tanta indagação....
Estais ainda no começo
de uma demorada viagem
rompendo tuas inquietudes
além da razão
Pois saibas que estais ainda
no cumprimento de tua missão
Não se exaspere, confie em tua
estrada reta, pois é lá no fim
da linha que está o teu recomeço...

Acalma tua alma
que o tempo te dirá.....
Parabéns lindo teus versos
Que potencial que vc tem...
bjs