Seguidores

domingo, novembro 23, 2008

QUEBRA-CABEÇA





QUEBRA-CABEÇA
De: Ysolda Cabral


Fui juntar os meus pedaços
E foi bastante complicado.
Alguns, eu não achei
E os que encontrei,
Juntei errado.

Fiquei meio esquisita,
Aqui e ali faltando um pedaço.
Parecendo um quebra-cabeça,
Todo mal acabado.

Pensei comprar na loja,
Algo para substituir o que faltava.
Até em ferro velho procurei,
Todavia nada que servisse encontrei.

Assim fiquei num impasse
E na dúvida do que sou agora,
Se gente ou algo não identificado,
Não me interessa mais saber,
Nem quero receber comunicado.

Vou tentar assim viver,
Sem nunca mais me enganar.
Pois se sofri ou se chorei,
Ou se ainda vou sofrer e vou chorar,
Quem irá se importar?

Um comentário:

Anônimo disse...

ESSA É UMA DAS POESIAS,Q PARECIA MUITO COM O MOMENTO NO QUAL EU ME ENCONTRAVA,QUANDO LI MINHAS LÁGRIMAS ROLARAM SOBRE MINHA FACE,SEM CONTROLE ALGUM...VC É SEM EXPLICAÇÃO SÓ SENDO MINHA PRIMINHA TÃO AMADA...

PRA TU: AINDA BEM Q VC VIVE COMIGO
PORQ SE Ñ COMO SERIA ESSA VIDA.. SEI LÁ,SEI LÁ ....

SEM SUAS POESIAS A MINHA VIDA SE PERDERIA NO TEMPO DA ESCURIDÃO,VC É MINHA LUZ BB....ELI